quinta-feira, junho 14, 2007

Chegaste e...

aí vens tu, de cara pouco lavada, e uma ou outra nódoa negra nos olhos, que ontem inundaram um sonho. Mas, subitamente, enamorado chegas ali e as nuvens aclaram um caminho pouco previsível e tão arriscado. Mas que sabe(s) bem. Molhas os lábios, sedento daquela novidade, e abraças o vão sentido que tudo isto tem. Nem te importas e sorris, aquilo que fazes melhor. Acho que consigo fazer o mesmo. E até aposto que nem me importava de perder.